Fale conosco
Franquia

O que é franquia e como funciona esse modelo de negócio?

Existe uma franquia para cada tipo de empreendedor no mercado. Entenda qual o melhor modelo para você e como as franquias funcionam neste artigo.

Se você está buscando uma forma de investir seu dinheiro ou quer mudar de área profissional e não sabe para onde ir, precisa começar a entender agora o que é uma franquia e como ela funciona.

O franchising é o principal modelo de ganha-ganha do mercado atualmente, mas com ele vem direitos e deveres a serem seguidos. Por isso, antes de iniciar essa caminhada, é necessário compreender como as franquias funcionam corretamente.

O que é uma franquia?

O franqueamento (ou franchising) é um modelo de negócio que permite a clonagem de um processo, negócio, produto ou serviço que já é bem sucedido e comprovado no mercado, possibilitando o crescimento da marca pela mão de terceiros.

Nesse cenário, o franqueador, que detém os direitos do negócio, autoriza um terceiro a replicar o seu modelo em outras localidades, podendo assim expandir globalmente.

Dentro desse molde, o franqueador é responsável por passar a quem está chegando todo o know-how do negócio, permitindo que ele seja replicado da melhor forma possível para garantir um padrão de entrega.

Benefícios de uma franquia

As franquias são uma espécie de negócio no qual franqueador e franqueado trabalham juntos para o negócio crescer. Por isso, cada integrante desse ecossistema precisa estar muito bem integrado e sabendo de suas responsabilidades, direitos e benefícios.

Para o franqueado

Como abordamos no início deste artigo, o modelo de franquias é uma espécie de negócio que tem uma tendência de ser um ganha-ganha no mundo corporativo, com tanto franqueado quanto franqueador tendo benefícios na parceria.

O franqueado, ao adquirir uma franquia da marca que tem interesse, tem uma série de benefícios. São alguns deles:

  • Receber um know-how que garante que o produto ou serviço vai ser realizado seguindo padrões já testados e aprovados;
  • Treinamentos desenvolvidos pelo franqueador para garantir a padronização do negócio;
  • Poder iniciar um negócio sem ter uma experiência sólida no setor;
  • Começar um negócio que já tem uma marca consolidada;
  • Ter uma ideia precisa de gastos para a criação do negócio e manutenção;
  • Saber como e quanto o negócio pode crescer e em quanto tempo;
  • Receber indicação de fornecedores e equipamentos;
  • Ter uma rede de franqueados em outras localidades para trocar ideias;
  • Acesso aos métodos de gestão já utilizados pelo franqueador;
  • Ações de marketing em conjunto com a rede.

Para o franqueador

O empreendedor que abre o seu negócio de sucesso para o franchising também encontra várias vantagens ao transformar a sua marca em uma rede de franquias. São algumas delas:

  • Expansão rápida e para diversos lugares;
  • Baixo investimento para expansão;
  • Gestão descentralizada;
  • Aumento da eficiência da operação com mais lojas espalhadas;
  • Maior divulgação da marca e contato com o público;
  • Possibilidade de se focar no desenvolvimento de novos produtos e melhorias.

Formatos mais comuns de franquias

As franquias estão em todos os lugares. Quando você entra em um shopping, por exemplo, e sabe exatamente o que vai encontrar em cada uma daquelas lojas, boa parte dessa sensação vem da exigência de padronização das franquias.

Mas nem só de lojas físicas vivem as franquias. Nos setores de alimentação, saúde e bem-estar, moda, educação, hotelaria, tecnologia e outros serviços, é possível encontrar franquias de vários formatos. Os principais são:

Loja física

Como já dito anteriormente, as lojas físicas fazem parte do modelo mais conhecido de franquia, possuindo todo tipo de estabelecimento, de moda a fast foods.

Nos últimos tempos, com o fortalecimento dos e-commerces, é comum se ouvir dizer que o fim das lojas físicas está próximo, mas isso não é verdade. Conforme uma pesquisa feita pela Lett, plataforma de trade marketing digital, e Opinion Box, plataforma mineira de pesquisas, 64% das pessoas ainda preferem fazer compras em lojas físicas.

Além do aluguel e adaptação do espaço, os custos devem considerar pagamento de funcionários e de eventuais reformas e manutenções que precisam ser feitas.

Em contrapartida, as vantagens de uma franquia de loja física também são bem atraentes. O grande diferencial, no caso, é a experiência para o cliente.

Se bem realizado, um atendimento em loja física costuma fidelizar muito bem o público e garantir engajamento.

Quiosques

Os quiosques são ainda uma espécie de loja física, mas com menos custos, tanto de estrutura, quanto de funcionamento.

Eles são uma ótima opção quando a intenção é expandir uma marca para cidades pequenas.

A principal dificuldade neste caso é encontrar um lugar adequado para instalação do quiosque.

Como ele depende de uma alta circulação de público, geralmente funciona apenas em shoppings ou centros comerciais.

Se você é um franqueado iniciante, não deixe de considerar essa possibilidade. 

Food trucks

Os food trucks explodiram no Brasil nos últimos anos e não foi à toa. A principal motivação para investir na modalidade é que o custo de instalação e manutenção acaba sendo bem abaixo de uma criação de uma loja física.

Além disso, um food truck pode se mover para qualquer lugar onde exista uma alta rotatividade de público, permitindo a participação em feiras e eventos, por exemplo.

Importante: se a ideia for manter o food truck rotativo, é importante considerar nas contas o valor para manutenção do veículo.

Se o valor de manutenção de um carro popular já é elevado, o de um caminhãozinho é ainda maior.

Em casa (home office)

Se ter um espaço físico para o seu empreendimento não é uma ideia atraente para você (uma loja, um escritório ou uma cozinha, por exemplo), ainda assim você pode investir em uma franquia.

O modelo home-based ainda é pouco explorado pela mídia, mas ele existe! Esse modelo exige uma cautela extra e conta com algumas vantagens e desvantagens que vamos explorar aqui:

Vantagens

Bom, a principal vantagem é óbvia: você trabalha de dentro da sua casa. Além disso, as franquias home-based costumam exigir um valor inicial menor, além de necessitar de investimentos mais enxutos em geral.

Essas franquias são, geralmente, relacionadas a algum serviço a ser prestado. Por isso, há um baixo custo de contratação de funcionários também, podendo todo o trabalho ser feito pelo próprio franqueado.

Desvantagens

É preciso tomar cuidado com os anúncios de “ganhe dinheiro fácil sem sair de casa”.

Por isso, para investir em uma franquia dentro de casa, procure uma empresa especializada em franquias, como a 300 Franchising, para te ajudar nessa decisão.

O modelo de franquia home-based também costuma pedir mais dedicação do franqueado, afinal, ele acaba sendo o principal (quando não, o único) responsável pelo bom funcionamento do negócio.

Conclusão

O principal objetivo das franquias é garantir ao franqueado a possibilidade de investir em um negócio de forma segura e rápida. Já para o franqueador, o franchising é uma possibilidade de expansão rápida, padronizada, eficiente e com investimento reduzido.

A 300 Franchising é uma aceleradora de redes de franquias. A empresa é especializada em expandir marcas de sócios para alcançar os empreendedores certos que desejam embarcar no mundo dos negócios com a segurança que uma marca forte e o expertise de um franqueador podem trazer.

Se você deseja entender mais a respeito do mundo das franquias e sobre como investir em uma franquia pode lhe tornar um empreendedor de sucesso, entre em contato conosco pelas nossas redes sociais ou continue atento no nosso blog!

Acompanhe as melhores dicas sobre bons negócios

Ao navegar no site você estará concordando com a nossa política de privacidade e nossos termos de uso.

Aceito